quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Elephants... Teeth Sink Into Heart


Links para Download:
Parte 1: http://sharebee.com/f2c869fa
Parte 2: http://sharebee.com/0b053059

Uma tarde nublada e fria numa casa em cima de uma montanha, longe de qualquer rastro de humanidade, acompanhado apenas por garrafas de vinhos, além de um violão e um piano, e ouvindo o som do estalar das madeiras que incendeiam na lareira entre uma música e outra. Esse seria o clima perfeito para se ouvir o novo cd da bela cantora-escritora Rachael Yamagata, Elephants... Teeth Sink Into Heart, 4 anos após sua excelente estréia com o álbum Happenstance.

Eu conheci o som dessa moça ainda esse ano, confesso que ouvi exaustivamente o Happenstance, e ainda o faço. Tem algumas músicas mais usuais, como Worn me down, mas o diferencial dela está nas mais tristes, naquelas músicas viscerais que acertam o ouvinte como um trem desenfreado, vide The Reason Why e Quiet. Seu novo álbum, ela dividiu em dois momentos: o primeiro cd, Elephants, estão as músicas depressivas, escuras e pesadas; e no segundo, Teeth..., as mais agitadas, mais rock mesmo. Segundo a própria autora, "Elephants é muito mais íntimo" e ainda completa: "Este é sobre estar disposto a correr o risco mesmo que tudo não acabe bem. Já Teeth é como recuperar sua espinha dorsal depois que você passou pela perda."

E como não falar especialmente da Elephant, carro-chefe do trabalho. Essa sim, dependendo do estado de espírito é melhor nem ouvir. Porém, é tão triste quanto bela. Diz Rachael que escreveu ela numa caminhada em seu refúgio em Woodstock. Tal como a melodia, um lento piano dando um ritmo melancólico, a letra é poderosa também: "And how dare that you send me that card / When I am doing all that I can do / You are forcing me to remember / When all I want is just forget you." Outro destaques são Sunday Afternoon e Duet, essa última ela canta junto com Ray LeMontagne, mas todas são muito boas. Com certeza é um dos melhores álbuns do ano.

Ouvir essa linda cantora não é uma tarefa fácil, ainda mais dependendo do seu clima, do seu humor, das coisas que estão acontecendo na sua vida e, principalmente, no que acontece no seu coração. Melancolicamente belíssimo, é a única definição que me vem na cabeça para esse cd no momento. Seria uma trilha sonora ideal para um drama, ou melhor ainda, trilha para um romance que não deu certo.
-

10 comentários:

Museu do Cinema disse...

Desconheço a moça, mas farei o download para conhece-la melhor.

Estou esperando a crítica de Assombro para saber se devo ou não comprar o livro gremista!

Kamila disse...

Também desconheço a moça! Vou ver vídeos no You Tube e, se gostar, faço o download do CD. :-)

Marcus Vinícius disse...

Cassiano, vou demorar um pouquinho ainda pra terminar, mas assim que finalizado eu te dou a dica. Abraços e dále Imortal!

Kamila, procure mesmo, ela é maravilhosa demais, eu não consigo parar de ouvir esse cd. Beijo grande!

Pedro Henrique disse...

Outro que não conhece a música dela. Vou fazer o mesmo que meus amigos aí de cima.

Rumo ao TRI!!!

Kau. disse...

Marcus, fiquei curiosíssimo para conhecer mais sobre ela. Vou procurar suas canções!

Parabéns, seu blog é excelente! Quando puder, dá uma passada no Cinefilando (http://cinefilando.blogspot.com/)

Bom fds! Abraços.

Wally disse...

Desconhecia essa. Fica a bela dica.

Ciao!

Otavio Almeida disse...

Legal pacas! A moça é talentosa e "Elephant" é viagem total!

Abs!

e. disse...

abençoado seja, como procurei esse álbum =*

Museu do Cinema disse...

Dá-lhe IMORTAL!!!

Adolfo disse...

Opa!

Ontem tomei um pé na bunda e achei o momento propicio pra conhecer essa banda... O link tava até salvo nos favoritos, peguei quando vi teu post na FAECVOT.

A mina canta muito, puta merda. Grande dica, to ouvindo muito pra afogar as magoas.

Abraço.