terça-feira, 29 de setembro de 2009

Amantes, de James Gray


Eu tenho quase a certeza de que, em alguns momentos, meu coração parou de bater enquanto assistia Amantes. Vê-lo amando alguém pode ser impactante como um meteoro, melancólico como uma tarde fria e nublada. Interessante como lentamente vamos simpatizando e identificando-se com Leonard, embarcamos juntos em sua montanha-russa de emoções e sentimentos. Um dos grandes dramas amorosos do ano (e porque não da década?) entra para a lista obrigatória de filmes que tratam sobre amor de uma forma sincera, de uma forma nua, despida de clichês e felicidade. Sim, pois o amor é duro e cruel.

7 comentários:

Caio disse...

O romance mais sincero de todos os tempos.

Kamila disse...

Eu quero tanto ver "Amantes"!!!!

Pedro Henrique disse...

Maravilha, cara! Muito foda tua texto. E o filme é sensacional, sem dúvida!

Wally disse...

Que raiva de ter perdido este filme nos cinemas! Quero MUITO assisti-lo.

Guilhermem Pilotti disse...

Você ainda não viu 500 days of summer ...

Depois de levar a paulada, as coisas ficam mais suaves hehehehehe

Vi hoje "Amantes".
Ótimo filme, mas, acho que 500(...) ainda é mais em elaborado na parte de explicar que as coisas não caminham como nos sonhos/cinema.

[]'s

Gonga disse...

Ola
Parabéns pelo teu blog esta bastante bom, gostaria de saber se estas disposto a fazer uma parceria de links. Eu também tenho um blog de cinema e poderias trocar links, eu colocaria o teu link no meu blog e tu colocarias um link do meu blog no teu. Que te parece?
http://www.gongacinema.blogspot.com
Fica bem
Gonçalo
goncalonndias@gmail.com

LINARD VICTOR disse...

Este filme é muito triste, quem assiste, concerteza desiste do amor logo logo....Mas nada como uma verdade para alavancar nossos corações não é?..
Conheçam meu blog:
http://linardvictor.blogspot.com/